O general Braga Netto recebeu, nesta terça-feira, no Forte de Copacabana, fuzis e munições doados pelas empresas Forjas Taurus e Companhia Brasileira de Cartuchos (CBC) para o Exército Brasileiro no âmbito da intervenção federal. Foram entregues 100 fuzis T4 da Taurus e 100 mil munições calibre 5.56 NATO da CBC.

Além do interventor federal, participam da entrega o secretário de Segurança, Richard Nunes, o presidente da Taurus, Salesio Nuhs e o presidente da CBC, Fabio Luiz Munhoz Mazzaro. Braga Netto permaneceu por cerca de um minuto na solenidade, posando para fotos com os representantes das companhias.

Segundo o coronel Roberto Itamar, assessor do Comando Militar do Leste (CML), o valor comercial da doação é de 1,5 milhão. As armas e munições serão disponibilizadas para a Secretaria de Administração Penitenciária e Secretaria Estadual de Segurança, para que destine o uso às policias Civil e Militar.

“Esses fuzis já são testados pela fábrica, são novos, que têm o seu uso imediato”, disse Itamar, acrescentando que a sede do Batalhão de Operações Especiais (Bope) será vistoriada na manhã desta quarta-feira. A ação é semelhante a que ocorreu no 14º BPM (Bangu), na semana passada.

No fim do ano passado o Ministério Público Federal (MPF) em Sergipe ajuizou uma ação contra a Taurus por defeitos apresentados pelas pistolas da fabricante com agentes de segurança de diversos estados. A própria Polícia Civil fez testes com pistolas em 2015, que apontaram problemas com as armas.

“Nós não podemos prever problemas. O que aconteceu com pistolas é coisa do passado. Toda garantia das armas Taurus será fornecida também para essa doação que nós estamos entregando, a exemplo do que a gente faz com todos os nossos armamentos”. O objetivo ação, segundo Nuhs, é o compromisso das duas empresas (Taurus e CBC), como sendo brasileiras, com a segurança pública do Rio de Janeiro.

“As duas empresas são empresas estratégicas de defesa. Nós fazemos parte dessa questão de arsenal nacional, de suprimento das Forças Armadas brasileiras e sentimos que a nossa obrigação é colaborar com a intervenção no Rio de Janeiro também”, completou Nuhs.

Fuzil T4

O fuzil T4 foi lançado pela Taurus no meio do ano passado. É uma plataforma já existente no mundo desde a década de 60, sendo usada por mais de 80 países no mundo. Segundo o presidente da empresa, é uma arma leve, portátil, para emprego urbano, tem menos de 3kg e capacidade para 30 munições no carregador.

O presidente da Taurus afirmou que a empresa fornece informações para o Exército, para que sejam usadas no treinamento dos policiais e militares que porventura forem utilizar as armas. “Esses fuzis serão destinados à Secretaria de Estado de Segurança e à Secretaria de Administração Penitenciária (SEAP) para que possam ter um reforço em seu equipamento para combate à criminalidade no Rio”.

Fonte: O DIA

Comentários do facebook: